O estaqueamento e as fundações de componentes das futuras operações industriais, como as máquinas extratoras de celulose e a caldeira de recuperação de força, são alguns dos destaques.

As obras de construção da nova fábrica de celulose da Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, em Ribas do Rio Pardo (MS), seguem dentro do cronograma com importantes avanços registrados até o mês de junho. O andamento das frentes de trabalho pode ser conferido em novo vídeo divulgado pela empresa. Assista:

Dentre as etapas concluídas e entregues, alguns destaques são o estaqueamento e as fundações de dois componentes importantes para as futuras operações industriais: as máquinas extratoras de celulose e a caldeira de recuperação e de força, esta última que servirá para gerar o vapor necessário à produção de energia a partir de biomassa.

A finalização da lagoa pluvial I, um dos reservatórios que irá receber as águas das chuvas e da drenagem das atividades industriais para posterior reaproveitamento, é outro destaque. O vídeo também destaca uma importante marca do projeto: a comemoração de 5 milhões de horas trabalhadas sem acidentes com afastamento, além do andamento de ações nas operações florestais e dos programas sociais.

Projeto Cerrado

Anunciado em maio de 2021 e confirmado pelo Conselho de Administração da Suzano no início de novembro do mesmo ano, o Projeto Cerrado receberá investimento total de R$ 19,3 bilhões e, no pico das obras, deverá gerar cerca de 10 mil empregos diretos. Prevista para entrar em operação no segundo semestre de 2024, a nova fábrica – que será a unidade mais competitiva da Suzano –, vai produzir 2,55 milhões de toneladas de celulose de eucalipto por ano, empregando 3 mil pessoas, entre colaboradores próprios e terceiros, nas áreas florestal e industrial, e movimentando toda a cadeia econômica da região.

Sobre a Suzano

A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 97 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br

Fonte: Suzano

+55 67 99227-8719
contato@maisfloresta.com.br

Copyright 2021 Mais Floresta ©  Todos os direitos Reservados