Incêndios florestais estão a devastar o árido estado norte-americano e já queimaram centenas de milhares de metros quadrados de terra.

Os incêndios florestais no Novo México, nos Estados Unidos da América, estão a piorar e a deixar a paisagem negra e queimada pelas chamas. Na pequena vila de Las Vegas (diferente da cidade de Las Vegas, conhecida pelo jogo, no Nevada), as cerca de 13 mil pessoas foram obrigadas a fazer as malas e a abandonar as suas casas para fugir aos fogos que as ameaçam.

Segundo a NBC News, o incêndio que lavra desde abril já queimou mais de 560 quilómetros quadrados (cerca de 140 mil hectares). Na segunda-feira, as autoridades evacuaram um hospital psiquiátrico em Las Vegas, à medida que as chamas se aproximavam.

Os fogos florestais têm-se tornado cada vez mais destrutivos nos Estados Unidos, e em todo o mundo, devido ao impacto das alterações climáticas. Em 2020, o aumento e intensificação de desastres naturais trouxe fogos florestais de enormes dimensões na Califórnia e, do outro lado do mundo, na Austrália, onde as chamas afetaram gravemente a complexa fauna e flora do país.

Quanto à Califórnia, nos últimos cinco anos foram registados os maiores oito fogos desde que há registo.

No Novo México, a humidade prevista para terça-feira foi vista pelas autoridades com pouca esperança, já que as chamas deverão continuar a aumentar e a levar aos piores incêndios florestais da história daquele estado norte-americano.

Os fortes ventos que se fizeram sentir no domingo obrigaram as autoridades a pedir às pessoas que fugissem e a que fossem resgatados hospitais. “É um evento de longa duração e não esperamos controlar este incêndio tão cedo”, disseram os bombeiros à NBC, numa atualização no domingo.

Além do hospital psiquiátrico, mais de duzentos estudantes de um colégio na região foram resgatados, além dos reclusos na prisão estatal.

Leia Também: Incêndios florestais no Novo México levam a declaração de emergência

Fonte: Última Hora

+55 67 99227-8719
contato@maisfloresta.com.br

Copyright 2021 Mais Floresta ©  Todos os direitos Reservados