Engrenagem importante na logística integrada da Klabin, terminal interliga a parcela da produção industrial conteinerizada do complexo de Ortigueira e de Monte Alegre pelos modais rodoviário e ferroviário

Com capacidade para movimentar até 60 mil contêineres por ano, a Klabin iniciou recentemente a operação provisória do Pátio Externo de Expedição de Contêineres, que integra o Projeto Puma II, em Ortigueira (PR). Maior terminal intermodal de contêineres da América Latina para o setor de celulose e papel, fora de uma zona portuária primária, o projeto contou com serviços de engenharia conceitual, básica e detalhada realizados pela Pöyry, empresa europeia líder em engenharia, projetos e consultoria.

O projeto foi executado simultaneamente à construção da primeira etapa do Projeto Puma II, que teve o BOP (Balance of Plant) na modalidade ECPM (Engineering, Procurement and Construction Management) realizado pela Pöyry.

Com uma área construída de 62 mil m2, o terminal interliga a parcela da produção industrial conteinerizada do complexo de Ortigueira e de Monte Alegre pelos modais rodoviário e ferroviário. Quando estiver operando a plena carga, terá capacidade para movimentar até 1 milhão de toneladas anuais de produtos. O terminal conta com um ramal ferroviário principal, com 2,3 km de extensão, e outros dois auxiliares, com 1,6 km cada, e está interligado à malha ferroviária paranaense, podendo receber duas composições com até 90 vagões cada (1.300m), simultaneamente.

“Este projeto reafirma o compromisso de parceria com nossos clientes para o desenvolvimento de soluções integradas de logística, otimizadas em termos de sustentabilidade, eficiência e segurança operacional”, afirma Carlos Saias, gerente de Infraestrutura, Logística e Projetos Especiais da Pöyry, ao destacar que estas soluções são resultado de simulações dinâmicas apoiadas em modelos computacionais representativos dos processos existentes ou a implementar, inclusive para atuar de forma preventiva em relação a possíveis riscos operacionais.

Desenvolvido dentro das mais modernas práticas de sustentabilidade ambiental, o terminal possui entre outros sistemas, a captação e o reuso de água pluvial para a lavagem dos contêineres.

O trabalho da Pöyry incluiu ainda as instalações de estocagem/manuseio de contêineres (vazios e carregados) e dos respectivos equipamentos de manuseio (Rubber Tired Gantry – RTG, Reach Stacker, Empty Container Handler e Track Mobile), bem como as instalações de suporte à operação, instalações de manutenção dos equipamentos e de suporte aos usuários (rodoviários e ferroviários), além dos sistemas de gestão patrimonial.

Sobre a Pöyry

A Pöyry é uma empresa europeia líder em serviços de engenharia, projetos e consultoria, com alcance global. Nós aceleraremos a transição para uma sociedade mais sustentável.

Somos parte do grupo AFRY com mais de 16 mil especialistas dedicados nas áreas de infraestrutura, indústria, energia e digitalização, criando soluções sustentáveis para as próximas gerações.

Fonte: Pöyry

+55 67 99227-8719
contato@maisfloresta.com.br

Copyright 2021 Mais Floresta ©  Todos os direitos Reservados