A parceria firmada nesta quarta-feira, 4, contempla a restauração florestal do bioma Mata Atlântica em Áreas de Preservação Permanente (APP)

A Bracell, líder global na produção de celulose solúvel e integrante do Grupo RGE, que gerencia empresas com operações globais de manufatura baseadas em recursos naturais, assinou, com a Secretaria de Meio Ambiente da Bahia (Sema), um termo de cooperação mútua para executar ações conjuntas voltadas à proteção da biodiversidade em Unidades de Conservação (UCs) de Mata Atlântica no estado, como os Cânions do Subaé e a bacia do rio Subaúma. O acordo foi assinado nesta quarta-feira, 4, na sede da Sema, por Márcia Telles, secretária da pasta, e Guilherme Araújo, diretor-geral da Bracell Bahia. A iniciativa da companhia está alinhada com sua estratégia de negócio, que tem como um de seus objetivos centrais reforçar a importância das boas práticas para a proteção da biodiversidade. 

O compromisso é o de atuar em parcerias que contribuam para a conservação e a manutenção das UCs e salvaguardem o patrimônio natural, protegendo espécies endêmicas, raras e ameaçadas de extinção da fauna e da flora, e os recursos hídricos, garantidos pelas formações florestas. O acordo tem validade inicial de 5 anos e poderá ser prorrogado. 

“Este acordo reforça o compromisso da Bracell com a preservação da qualidade ambiental não apenas em suas áreas próprias, mas, também, em áreas públicas e de outros proprietários particulares na Bahia. Vamos contribuir com recursos financeiros e com nossa expertise para o planejamento e a execução das ações com vistas a restaurar e proteger áreas de vegetação nativa, assegurando que a fauna e a flora silvestres tenham respeitados espaços vitais para perpetuação”, afirma Guilherme.

A parceria entre Bracell, Sema e Inema também visa a apoiar a regularização do Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefirs) dos produtores parceiros incluídos no projeto de restauração florestal e a estruturação do Programa de Pagamento por Serviços Ambientais direcionado aos produtores parceiros do projeto. 

Segundo Guilherme, a iniciativa se soma a outras que a Bracell mantém com o Governo da Bahia em favor do meio ambiente. Das quatro reservas particulares do patrimônio natural (RPPNs) já oficializadas, duas foram reconhecidas pelo governo estadual em 2021: a Japurá, com 534 hectares (ha), e a Falcão, com 937 ha, ambas em Esplanada. “As RPPNs já reconhecidas e outras oito em processo de aprovação totalizam 8.166 ha, o equivalente a 11.438 campos de futebol, nos biomas da caatinga e de mata atlântica”, ressalta. 

A Bracell também abriga duas áreas de soltura de animais silvestres (Asas), certificadas pela Sema. Uma delas é a RPPN Lontra, a maior do gênero no litoral norte da Bahia, com 1.377 hectares. A Lontra é a única propriedade privada reconhecida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica no estado.  A outra é a Fazenda Cachoeira, também em Entre Rios. 

Guilherme destaca que o trabalho de conservação inclui a educação e a sensibilização das comunidades para o tema. “Mantemos, em Inhambupe, o Núcleo de Educação Ambiental, onde os visitantes assistem a palestras e conhecem nossa trilha ecológica. Temos ainda o projeto Ecomunidade, que mobiliza ecoagentes da região em favor de ações de cunho ambiental em suas localidades com foco especial no correto descarte de resíduos e na reciclagem”, informa. 

“Além disso, em junho de 2021, lançamos o livro Floresta Sempre Viva, com fotos captadas nas áreas de preservação ambiental da empresa, bem como em suas áreas de produção de eucalipto”, acrescenta o diretor-geral. Disponibilizado na versão impressa, o livro também pode ser baixado na versão eletrônica no site florestasempreviva.com.br.

 A Bracell assinou também, em abril deste ano, um termo de compromisso para patrocínio de ações para a proteção de mais de 64 mil hectares de matas nativas em parceria com a Fundação Florestal, do Governo do Estado de São Paulo. Pedro Stefanini, vice-presidente sênior da Bracell, se diz orgulhoso do caminho que a companhia está trilhando, principalmente quando se une a projetos que impactam positivamente o social e ambiental. 

Sobre a Bracell

A empresa, que faz parte do grupo Royal Golden Eagle (RGE), é uma das maiores produtoras de celulose solúvel e celulose especial no mundo, com duas operações principais no Brasil – em Camaçari (BA) e em Lençóis Paulista (SP). As atividades e modelos de gestão adotados pela companhia estão totalmente comprometidos com o uso sustentável dos recursos naturais, com o objetivo de criar valor para a comunidade, o país, o clima, o cliente e a empresa, de forma permanente.

Sobre a RGE 

A RGE Pte Ltd gerencia um grupo de empresas com operações globais de manufatura baseadas em recursos naturais. As atividades vão desde o desenvolvimento e a colheita de recursos sustentáveis, até a criação de diversos produtos com valor agregado para o mercado global. O compromisso do grupo RGE com o desenvolvimento sustentável é a base de suas operações. Todos os esforços estão voltados para o que é bom para a comunidade, bom para o país, bom para o clima, bom para o cliente e bom para a empresa. A RGE foi fundada em 1973 e seus ativos atualmente ultrapassam US$ 25 bilhões. Com mais de 60.000 funcionários, o grupo tem operações na Indonésia, China, Brasil, Espanha e Canadá, e continua expandido para envolver novos mercados e comunidades. www.rgei.com.

Fonte: Bracell

+55 67 99227-8719
contato@maisfloresta.com.br

Copyright 2021 Mais Floresta ©  Todos os direitos Reservados